11 BENEFÍCIOS DA PITANGA

      Comentários desativados em 11 BENEFÍCIOS DA PITANGA

Fruta típica do Brasil, a pitanga se destaca não só pelo seu sabor e aroma deliciosos, mas também por suas propriedades nutricionais.

O seu aroma é aproveitado na indústria de cosméticos na produção de shampoos,
sabonetes, óleos corporais e perfumes. Mas a pitanga é muito mais do que uma
fruta gostosa e cheirosa.

A presença de diversas vitaminas e minerais, bem como de compostos antioxidantes, confere à pitanga diversas propriedades medicinais. Entre elas, a capacidade de aliviar sintomas gastrointestinais, alguns problemas respiratórios e o fortalecimento do sistema imunológico.

Vamos conhecer um pouco mais sobre a fruta e as propriedades e benefícios da pitanga para a saúde, além de aprender dicas de outras formas de consumir esse fruto.

Pitanga

A pitanga, conhecida cientificamente como Eugenia uniflora, é uma fruta que lembra uma cereja da família das Myrtaceae.

Ela cresce de uma pequena árvore nativa da floresta amazônica. Encontra-se no Brasil e em outros países, tais como o Uruguai, a Guiana, o Paraguai, a Argentina, o Suriname e a Guiana Francesa.

Por ser especialmente abundante no Brasil e no Suriname, em alguns países a fruta é conhecida como “cereja brasileira” ou “cereja do Suriname”.

Suas folhas e até mesmo seu caule são ricos em diversos óleos essenciais. Entre eles, temos os politerpenos, os sesquiterpenos, a citronela, o acetato de geranilo e a cineol.

Já o fruto é muito saboroso e rico em nutrientes como fósforo, ferro, cálcio, vitamina A, vitamina C, riboflavina e niacina.

A fruta também apresenta compostos antioxidantes como a rubixantina, o licopeno, o gamacaroteno e a betacritoxantina.

De acordo com a cientista Dra. Margaret Mustard da Miami University e de informações obtidas do United States Department of Agriculture, em uma porção de 100 gramas de pitanga são encontrados:

  • 0,84 a 1,01 gramas de proteína;
  • 0,4 a 0,88 gramas de gordura;
  • 7,93 a 12,50 gramas de carboidratos;
  • 9 miligramas de cálcio;
  • 0,2 miligramas de ferro;
  • 11 miligramas de fósforo;
  • 26,3 miligramas de vitamina C;
  • 0,03 miligramas de tiamina (vitamina
    B1);
  • 0,03 miligramas de niacina (vitamina
    B3);
  • 0,04 miligramas de riboflavina
    (vitamina B2);
  • 1.200 a 2.000 unidades
    internacionais de vitamina A;
  • 93 gramas de água.

Outros minerais presentes na fruta são o potássio, o magnésio e o sódio.

O sabor da pitanga madura é adocicado.

A maioria das espécies apresenta cor avermelhada ou alaranjada quando madura.

Mas também há plantas em que o fruto tem outras cores que podem variar de amarelo a verde.

Quanto mais madura a fruta, maior é o seu teor de vitamina C.

Benefícios da pitanga

É grande a lista de benefícios da pitanga para a nossa saúde.

Em primeiro lugar usa-se a planta e seu fruto para melhorar sintomas da gripe por meio do estímulo ao sistema imunológico.

Do mesmo modo, alivia problemas estomacais e gastrointestinais e também ajuda a reduzir a pressão arterial.

Igualmente também há relatos de que a pitanga tem propriedades que ajudam a tratar edemas, infecções oculares, febre, colesterol alto, diabetes e micose.

Em alguns estados do Brasil, é comum encontrar repelentes produzidos à base de pitanga, já que a fruta exala um aroma forte que repele alguns tipos de insetos.

1. Bom funcionamento dos pulmões

De acordo com estudo conduzido pelos cientistas Heinrich Worth, Christian Schacher e Uwe Dethlefsen, o cineol encontrado na pitanga foi capaz de melhorar as funções pulmonares de pacientes com dispneia.

 A pesquisa também concluiu que o cineol tem efeito anti-inflamatório.  Ele atua ativamente
na redução da inflamação na membrana mucosa, o que facilita a respiração dos pacientes.

Além de melhorar a função pulmonar, a pitanga parece ajudar no tratamento de doenças pulmonares obstrutivas crônicas.

2. Controle da diabetes

Estudos mostram que as antocianinas presentes na pitanga podem aumentar os níveis de insulina no organismo.

Pode ocorrer um aumento de até 50% na produção de insulina apenas com a ingestão de pitangas.

Esse aumento pode auxiliar no controle dos níveis de açúcar no sangue e reduzir os sintomas da diabetes.

Segundo estudo brasileiro publicado em 2015 na revista científica Antioxidants, o consumo de extratos de pitanga também pode ajudar a combater a inflamação associada à diabetes.

3. Poder anti-inflamatório

Os antioxidantes da fruta ajudam a combater a inflamação devido principalmente à presença de cineol. Esta substância é um óleo extraído das folhas e das frutas da pitanga, que apresenta propriedades anti-inflamatórias.

O efeito anti-inflamatório é tão eficiente que pode até reduzir os sintomas associados a  doenças inflamatórias como a gota e a artrite.

4. Combate ao câncer

Os antioxidantes presentes na pitanga combatem os radicais livres que podem danificar células saudáveis e aumentar o risco de desenvolver alguns tipos de câncer.

Além disso, a pitanga contém vitamina C, que quando ingerida constantemente parece ajudar a reduzir as chances de desenvolver diversos tipos de câncer.

Entre eles incluem-se o câncer nos pulmões, na boca, no estômago, no reto, no  esôfago e nas cordas vocais.

Acredita-se que seu efeito anti-inflamatório, igualmente, também ajuda a prevenir a doença.

5. Suporte à função imunológica

É provável que a abundância em vitamina C e outros compostos antioxidantes sejam os responsáveis por este efeito.

Primeiramente ela ajuda a neutralizar o efeito dos radicais livres e em seguida estimula e fortalece o sistema imunológico. Igualmente, ajuda a proteger o corpo contra diversas doenças.

Isso porque, no organismo, a vitamina C acelera a produção de anticorpos, combatendo, dessa forma, de modo eficaz os micróbios que podem causar doenças.

6. Melhoria da saúde gastrointestinal

A pitanga apresenta propriedades adstringentes e antissépticas.

Seus benefícios dão alívio aos desconfortos e problemas gastrointestinais, bem como à diarreia e até alguns tipos de feridas intestinais.

Se consumida regularmente, ela é capaz de regular a saúde gastrointestinal eliminando de uma vez por todas qualquer tipo de desconforto.

7. Aumento da energia

As vitaminas do complexo B presentes na pitanga são essenciais para várias funções metabólicas, incluindo a geração de energia.

O complexo B é muito importante para a saúde em geral e especialmente para aumentar os níveis de energia e para regular a função do sistema nervoso.

A vitamina B2, por exemplo, é muito importante para a produção de anticorpos e de glóbulos vermelhos.

Eles atuam no transporte de nutrientes por meio do sangue para todo o corpo.

Além disso, garantem o desenvolvimento adequado de diversos órgãos durante a infância e a adolescência.

Desta forma, consumir pitanga e outras fontes de vitamina B ajuda a prevenir deficiências nutricionais e manter o metabolismo em pleno funcionamento.

8. Manutenção da pressão arterial

Estudos sugerem que a pitanga apresenta propriedades que reduzem a pressão arterial elevada.

Como resultado, esse efeito ajuda a regular o fluxo normal do sangue através do corpo.

Assim são evitadas complicações de saúde resultantes da pressão alta como insuficiência cardíaca, acidente vascular cerebral e ataque cardíaco.

9. Melhoria do sono

Pesquisas mostram que a pitanga contém melatonina, um hormônio produzido naturalmente pelo corpo para regular o sono. A presença de níveis adequados de melatonina permite que tenhamos uma noite de sono tranquila e revigorante.

Em contrapartida, pessoas que sofrem de insônia e de outros distúrbios do sono podem não produzir melatonina o suficiente, sendo essencial ingerir alimentos ricos nesta substância.

Assim, em alguns casos um dos benefícios da pitanga é o de ajudar pessoas que lidam com problemas para dormir.

10. Prevenção contra o envelhecimento precoce

O alto teor antioxidante da pitanga ajuda a retardar os sinais de envelhecimento que surgem em algum momento da vida.

Os antioxidantes atuam no combate aos radicais livres que podem danificar células saudáveis e acelerar o processo de envelhecimento, causando manchas e marcas de idade na pele.

Em outras palavras, a pitanga pode evitar esse processo e deixar sua pele bonita e com aspecto jovial por mais tempo.

11. Pele e cabelos saudáveis

Além de evitar os sinais de envelhecimento precoce, a pitanga ajuda a tratar inflamações na pele como acne, espinhas e psoríase.

Com toda a certeza, isso é devido à presença significativa de vitamina A.

Essa vitamina ajuda a manter e fortalecer os tecidos epiteliais e as membranas mucosas.

Também protege a pele contra a ação de toxinas e de radicais livres.

Da mesma maneira, a vitamina A também ajuda a melhorar o fluxo sanguíneo e a
suavizar as rugas na pele, o que a mantém nutrida e firme.

As propriedades antissépticas, por outro lado também ajudam a promover a cura de infecções bacterianas, feridas e outros problemas na pele.

A presença de vitamina C também é essencial para estimular a produção de colágeno e promover a renovação natural da pele de tempos em tempos.

Os antioxidantes e nutrientes presentes na pitanga, também contribuem para manter os fios de cabelo bem nutridos e bonitos.

Ademais, o óleo de pitanga aplicado ao couro cabeludo pode auxiliar no controle da oleosidade excessiva e por isso é encontrado em alguns shampoos para cabelos oleosos.

Dicas

Além de ingerir a fruta direto da árvore, é possível preparar geleias, sorvetes, tortas e licores com o fruto.

O chá, feito com as folhas da planta, é muito aromático e saboroso.

Como preparar o chá de pitanga

O chá de pitanga tem um aroma muito bom e permite a extração de diversos nutrientes encontrados nas folhas da planta.

Para preparar o chá, você vai precisar de algumas folhas de pitangueira e água quente.

Ferva 1 xícara de água, desligue o fogo e coloque um punhado de folhas da árvore de pitanga.

Deixe a mistura em infusão por pelo menos 10 minutos.

Depois disso, é só coar e ingerir esse chá saboroso e nutritivo.

Outros potenciais benefícios da pitanga

Além de nutrir o organismo e proteger o corpo contra várias doenças, a pitanga é usada em cosméticos para deixar a pele e os cabelos saudáveis.

Algumas pessoas afirmam que é bom ingerir pitanga regularmente para evitar doenças oculares, já que a presença de vitamina C aumenta o suprimento de sangue para a região dos óleos.

Também há quem acredite que a pitanga pode ajudar a manter a saúde óssea e a prevenir contra a distrofia muscular devido ao alto teor de vitamina A na fruta.

Por fim, o chá de pitanga parece ter um efeito relaxante que ajuda a lidar com problemas da atualidade como a ansiedade e o estresse.

Em meio a tantos benefícios da pitanga para a saúde, fica difícil resistir a essa fruta tão bonita, saudável e deliciosa, não é mesmo?

Referências Adicionais:

Você já conhecia ou imaginava que existiam tantos benefícios da pitanga para a saúde? Costuma consumir essa fruta com frequência? Comente abaixo!

Note: There is a rating embedded within this post, please visit this post to rate it.

Veja também A PITANGA