Como Fazer Biomassa de Banana Verde – Fácil e Rápido

      Comentários desativados em Como Fazer Biomassa de Banana Verde – Fácil e Rápido
Biomassa de banana verde

Produzida a partir das polpas de bananas ainda verdes, a biomassa de banana verde é uma receita conhecida por possuir o chamado amido resistente, uma espécie de fibra que não pode ser digerida pelo organismo.

Essa fibra serve de alimento para as bactérias do bem presentes no intestino, contribuindo com o desenvolvimento da microbiota intestinal e resultando em uma melhoria da imunidade.

Isso porque quando a microbiota do intestino encontra-se saudável, ocorre a produção de uma substância conhecida como citocina anti-inflamatória, que melhora a imunidade e faz com que os anticorpos trabalhem de modo mais eficiente.

Também acredita-se que a biomassa de banana verde pode auxiliar o emagrecimento por meio da promoção do aumento da saciedade – isso se o seu consumo for inserido dentro de um contexto de alimentação saudável, sem alimentos industrializados e cheios de açúcares, e associada a uma vida ativa com bons hábitos saudáveis.

Como se não bastasse, a biomassa também serve como fonte de nutrientes como vitamina A, vitamina B1, vitamina B2, vitamina B3, potássio, manganês e fósforo.

Ela pode ser
usada como um espessante para dar mais consistência às receitas culinárias,
funcionando como substituta em boa parte dos pratos que exigem ingredientes
como óleo, creme de leite ou qualquer outro espessante, sem modificar ou
interferir no sabor do alimento.

É possível utilizar a biomassa de banana verde em preparações como patês e massas de pães e bolos, além de alimentos quentes como mingau de aveia, caldos e sopas. Porém, a biomassa congelada só pode ser usada em receitas de sucos e smoothies. Que tal então aprender como fazer biomassa de banana verde para aproveitar os seus usos e tantos benefícios que ela pode fornecer?

Como fazer biomassa de banana verde

Ingredientes:

  • Bananas verdes – a fruta ideal para o preparo da biomassa de banana verde não deve ter sido aclimatizada (um processo que acelera o seu crescimento); como a maioria das coisas compradas em feiras livres e mercados passam pela aclimatação, pesquise qual estabelecimento da sua cidade vende bananas verdes que não passaram por esse processo;
  • Água – ½ xícara para cada banana.

Modo
de preparo:

Separar cuidadosamente as bananas do cacho, com o auxílio de uma faca ou tesoura, certificando-se de que elas permaneçam íntegras e bem fechadas. Lavas as bananas com esponja, água e sabão, enxaguando bem.

Encher uma panela de pressão com água até a metade. Levar ao fogo e, depois que ferver, adicionar as bananas e tampar a panela; Quando a panela começar a soltar vapor, abaixar o fogo e cozinhar durante aproximadamente 10 minutos.

Então, desligar o fogo, porém, sem abrir a panela ou colocá-la debaixo da água da torneira – a sua pressão deve ser liberada naturalmente.

Logo após e rapidamente, descascar as bananas verdes ainda quentes com o auxílio de um garfo. Bater no liquidificador ou passar no processador até adquirir uma pasta – se estiver difícil de bater, juntar um pouco de água fervente (não a água do cozimento) e tentar novamente. Utilizar a biomassa imediatamente e congelar a parte que não for ser usada no momento.

O ideal é consumir a biomassa de banana verde antes de tomar o café da manhã ou antes de dormir.

Cuidados com a biomassa de banana verde

Depois de aprender como fazer biomassa de banana verde, também é importante conhecer os efeitos colaterais que a receita pode causar, as suas contraindicações e os cuidados que o seu consumo exige para não corrermos o risco de utilizá-la de maneira equivocada, não é mesmo?

Pois bem, a biomassa de banana verde pode provocar efeitos colaterais como gases e flatulências, além de diminuir a absorção de minerais como zinco e cálcio e deixar o intestino solto quando consumida em excesso.

Não se deve
consumir mais do que duas colheres de sopa da receita diariamente, justamente
para não sofrer com efeitos colaterais em decorrência da ingestão excessiva do
alimento.

Além disso, a biomassa de banana verde
não pode ser consumida por pessoas que sofrem com a alergia à banana.

No caso da biomassa de banana verde
preparada em casa, o produto pode ser armazenado durante até sete dias na
geladeira ou dois meses no congelador, preferencialmente dentro de um
recipiente escuro e de vidro.

Para descongelar, é só aquecer a
biomassa em banho-maria. A biomassa de banana verde dura de três a cinco dias
na geladeira e até três meses no freezer.

Como fazer farinha de banana verde

Além de aprender com fazer biomassa de banana verde, vale a pena também aprender a receita da farinha de banana verde.

Isso porque essa farinha já foi associada a benefícios como o auxílio ao controle da fome, a melhoria do trânsito intestinal e o favorecimento às células de defesa do organismo.

Para conseguir alcançar todos estes benefícios da farinha de banana verde, é recomendado consumi-la regularmente.

Segundo especialistas, uma pessoa pode consumir até 30 g de farinha de banana verde diariamente. O consumo em excesso do produto pode levar ao aumento de peso e acúmulo de gorduras, por conta do seu teor de carboidratos, e causar a prisão de ventre, devido à sua quantidade de fibras e amido.

A farinha de banana verde também é contraindicada para as pessoas que sofrem com alergia a algum componente da banana. 

A sugestão é adicionar até duas colheres de sopa
do produto, que correspondem a 20 g, em um copo de água e ingerir em jejum ou
misturar o ingrediente com iogurtes, frutas, feijão ou vitaminas de frutas, por
exemplo.

A farinha de banana verde não é dona de um sabor forte e pode ser utilizada no lugar da farinha de trigo em receitas de muffins, bolos, biscoitos e panquecas, mas é importante consumir mais água que o habitual para garantir que o bolo fecal fica bem hidratado, facilitando sua saída. Caso contrário, as fezes ficarão muito secas.

Confira a seguir a receita de farinha de banana verde:

Ingredientes:

  • 6 bananas verdes.

Modo de preparo:

Cortar as bananas e rodelas médias. Em um assadeira, dispor as rodelas lado a lado e levar ao forno em temperatura baixa para evitar que elas queimem; Deixar as rodelas de banana verde no forno até que elas estejam bem secas, quase esfarinhando na mão;

Então, desligar o fogo, retirar a assadeira do forno e deixar a banana verde esfriar em temperatura ambiente; Depois que elas estiverem completamente frias, levá-las ao liquidificador e bater bem até obter uma farinha.

Na sequência, peneirar a farinha até adquirir a espessura de sua preferência e armazená-la em um recipiente bem seco e tampado. Esta farinha de banana verde tem uma duração de até 20 dias.

O que você achou dessa receita de como fazer biomassa de banana verde? Pretende fazer em casa? Comente abaixo!

Note: There is a rating embedded within this post, please visit this post to rate it.