Lifting de Coxa – O Que é, Antes e Depois, Cuidados e Dicas

      Comentários desativados em Lifting de Coxa – O Que é, Antes e Depois, Cuidados e Dicas

O lifting de coxa é uma cirurgia de elevação da coxa que serve para remodelar as coxas e remover o excesso de pele e de gordura no local, deixando a pele do local mais lisa. Você verá a seguir os detalhes sobre o lifting de coxa e da expectativa do procedimento por meio de imagens de antes e depois de algumas pessoas que se submeteram a esse procedimento.

O procedimento em si não é muito diferente de outros tipos de lifting como o lifting de nariz, o lifting facial ou o lifting de mama, mas a coxa é totalmente diferente de partes do corpo como o rosto e a mama e, por isso, existem algumas diferenças em relação à técnica cirúrgica e aos cuidados necessários após um lifting de coxa.

Além de
ver com seus próprios olhos o que um lifting de coxa pode fazer pelo seu corpo,
você vai encontrar várias informações e dicas importantes sobre o pré e o
pós-operatório. Vamos então ao que interessa?

Lifting de coxa – O que é?

O lifting de coxa trata-se de uma ótima opção para pessoas que perderam muito peso ou que removeram gordura por meio de uma lipoaspiração, por exemplo, mas que tem uma pele pouco elástica. Assim, o lifting atua levantando a pele e deixando as coxas mais firmes e bonitas.

O lifting
é uma boa escolha para pessoas que atualmente se enquadram nas seguintes
características:

  • Peso relativamente estável;
  • Não fumantes;
  • Pessoas que passaram por uma redução de peso considerável;
  • Boa saúde geral e ausência de condições que prejudicam a cicatrização ou que aumentam os riscos da operação;
  • Indivíduos com excesso de tecido mole ao longo da coxa;
  • Flacidez, celulites e peles soltas nas coxas;
  • Expectativa realista em relação aos resultados;
  • Pessoas comprometidas com um estilo de vida saudável e uma boa alimentação.

Se você
acha que não se encaixa nas características acima, veja também outros tipos de tratamento para remover gordura localizada da coxa e de outras partes do corpo.

Pré-operatório

Antes de
qualquer procedimento cirúrgico, é indicado realizar uma série de exames para
checar as condições de saúde atuais.

Também é
importante ficar a par de todos os possíveis riscos da cirurgia e alinhar as
suas expectativas com as expectativas do cirurgião para reduzir as chances de
arrependimento após o lifting de coxa.

Assim, é
importante alinhar os seguintes pontos com o seu cirurgião:

  • Discutir sobre os objetivos e os resultados
    esperados;
  • Mencionar o uso de medicamentos, vitaminas, ervas,
    suplementos, tabaco, álcool e qualquer outro tipo de substância;
  • Citar problemas de saúde ou alergias;
  • Informar sobre cirurgias anteriores, se for o caso;
  • Avaliar o seu estado de saúde atual;
  • Tirar dúvidas sobre possíveis riscos e complicações
    cirúrgicas.

Algumas
semanas antes do lifting de coxa, o médico vai pedir para você não fumar e nem
usar medicamentos anti-inflamatórios como a aspirina porque eles podem aumentar
o risco de sangramento durante a operação.

Pode ser
necessário fazer um jejum de pelo menos 12 horas antes da cirurgia para evitar
complicações associadas à anestesia.

Durante o lifting

– Anestesia

O primeiro
passo de qualquer cirurgia é a anestesia. Geralmente, é usada a sedação
intravenosa ou a anestesia geral. A escolha vai depender do seu histórico
médico e do seu estado de saúde atual.

– Incisão

Em um
lifting de coxa, o cirurgião pode optar entre 2 tipos de corte nas coxas. Um
deles é feito na parte externa e o outro na parte interna da coxa.

Através de
uma dessas incisões, o médico remove o excesso de gordura e de pele no local. É
óbvio que quanto menor o corte, menos perceptível será a cicatriz formada.

As
técnicas de incisão são descritas com mais detalhes a seguir.

Incisão de lifting na coxa interna

Nesse
caso, o cirurgião faz um corte na parte superior interna da coxa e o tamanho do
corte vai depender da extensão e da quantidade de gordura e pele que será
removida.

A opção
mais simples é fazer um pequeno corte na parte interna da coxa bem próximo à
virilha.

Outra
alternativa consiste em fazer uma incisão que começa na virilha e vai se
estendendo par baixo até alcançar a parte detrás da coxa.

E a última
opção de corte é aquele que vai da virilha e percorre toda a extensão interna
da coxa até chegar no joelho.

Incisão de lifting na coxa externa

Alguns
casos exigem que a incisão seja feita na parte externa da coxa para que os
contornos da parte externa da coxa fiquem melhores.

Em geral,
o corte feito começa na virilha e vai seguindo a linha do biquini até a região
dos glúteos. Apesar de ser um corte grande, a cicatriz pode ser facilmente
ocultada.

– Sutura

Depois de
feito todo o lifting, é hora de fechar os cortes. As suturas são profundas e
são feitas de modo a definir os contornos e deixar a pele bem firme e esticada.
Elas podem ser feitas com colas cirúrgicas ou do modo tradicional.

Todo o
procedimento não dura mais do que 4 horas e o paciente geralmente é liberado no
mesmo dia ou no dia seguinte.

O que esperar do pós-operatório

– Recuperação nos primeiros dias

Nas
primeiras horas após o lifting de coxa, não é recomendado se sentar pois isso
pode comprometer as suturas que acabaram de ser feitas. Assim, só se movimente
quando o médico dizer que é seguro.

Medicamentos
como analgésicos e antibióticos devem ser prescritos pelo cirurgião para
aliviar a dor e evitar infecções.

Podem
ocorrer hematomas, inchaço e uma leve dormência após o lifting, mas o
desconforto desaparece depois de alguns dias.

Nas
primeiras semanas é importante fazer movimentos suaves e lentos para não
pressionar demais as suturas e não causar o rompimento delas.

– Retorno ao consultório

Seu médico
irá combinar um dia para você retornar ao consultório para retirar pontos e
tubos de drenagem – que servem para drenar o excesso de líquido e de sangue nos
primeiros dias do pós-operatório – e para ver como você está se recuperando.

– Recuperação total

As
atividades diárias mais leves podem ser retomadas depois de 2 ou 3 semanas após
o procedimento. Em cerca de 4 a 6 semanas, já é possível retomar toda e
qualquer atividade.

Alguns
médicos indicam o uso de roupas de compressão em torno das coxas para otimizar
o contorno delas, mas isso vai depender muito do seu caso. Pergunte ao seu
médico se isso é necessário.

– Cicatrização

A
cicatrização total pode levar até um ano, mas o cirurgião pode indicar alguns cremes cicatrizantes para acelerar a cicatrizar e suavizar a aparência
da cicatriz, a tornando menos perceptível.

Antes e Depois

Abaixo é
possível ter uma ideia sobre os resultados obtidos após o lifting de coxa.

As
fotografias acima mostram pessoas que se submeteram a um procedimento de
lifting de coxa. É possível notar uma nítida melhora no aspecto da pele da coxa
que se torna bem mais firme do que antes.

As imagens
não mostram nenhum tipo de cicatriz, indicando que elas são realmente bem
discretas já que o corte é feito na parte interna das coxas ou então bem
próximo da virilha.

Se informe
mais sobre as melhores formas de tirar cicatrizes da pele para minimizar ainda mais a aparência da cicatriz
deixada pelo lifting.

Cuidados e Dicas

Profissional de confiança

Procurar
um cirurgião experiente para realizar a cirurgia aumenta as chances de
satisfação com os resultados do lifting.

Pesquise
sobre o cirurgião que vai te atender e também sobre a clínica que você escolheu
e veja se são profissionais sérios e capacitados.

Riscos

O lifting
de coxa não está livre de riscos e complicações. Alguns contratempos que podem
ocorrer durante ou até mesmo após o procedimento incluem:

  • Hemorragia;
  • Infecção;
  • Reação à anestesia;
  • Má cicatrização;
  • Acúmulo de fluidos;
  • Dor persistente;
  • Inchaço;
  • Descoloração da pele;
  • Dormência ou mudanças na sensação da pele;
  • Trombose venosa profunda;
  • Risco de uma perna ficar diferente da outra.

Também
pode ser que um novo procedimento seja necessário para corrigir problemas ou
irregularidades na pele.

Se você
observar sintomas como falta de ar, alteração nos batimentos cardíacos ou dores
no peito quando estiver em casa, é importante procurar atendimento médico com
urgência.

Vale a pena?

É preciso ter paciência porque, apesar de os resultados serem visíveis imediatamente, pode demorar vários meses para que a cicatrização se complete.

O procedimento é personalizado e assim os resultados podem variar de acordo com as diferentes necessidades e características de cada corpo. Dessa forma, só faça um lifting de coxa depois de tirar todas as suas dúvidas sobre a cirurgia e depois de alinhar as suas expectativas com as expectativas do médico. Isso reduz o risco de arrependimentos.

Ainda que
o lifting seja um procedimento cirúrgico permanente, é preciso cuidar da saúde
por meio de uma boa alimentação e da prática de exercícios físicos para
preservar os resultados.

Apenas você é capaz de avaliar se está disposta a se submeter a um lifting de coxa, mas desde que sua saúde esteja boa. Escolha um bom cirurgião e tome todos os cuidados pré e pós-operatórios à risca. As chances de obter um bom resultado sem complicações serão enormes.

Referências
Adicionais:

Você já conhecia o lifting de coxa? Conhece alguém que já fez? Comente abaixo!

Note: There is a rating embedded within this post, please visit this post to rate it.