Graças ao Jejum Intermitente e à Dieta Cetogênica, Mulher Perde 45 Kg em 1 Ano

      Comentários desativados em Graças ao Jejum Intermitente e à Dieta Cetogênica, Mulher Perde 45 Kg em 1 Ano
Jenny

Na véspera de Ano Novo de 2018, alguém tirou uma foto de Jenny Wagner. Quando ela viu, ficou horrorizada. Ela sabia que tinha ganhado peso, mas ver uma foto sua com quase 110 kg foi chocante.

“Cheguei ao ponto em que eu absolutamente detestava ver meu reflexo no espelho”, disse a americana de 30 anos, moradora da Flórida. “Eu ainda me sentia uma garota magra e atlética. Então eu via uma foto minha e percebia como eu era na verdade.”

Durante grande parte de sua vida, Jenny tinha um corpo atlético. Com 20 e poucos anos, ela se casou e começou a ganhar peso. Os médicos a diagnosticaram com síndrome do ovário policístico (SOP) e lhe deram medicamentos para tratar a condição. Eles também sugeriram que ela perdesse peso, mas não disseram como fazer isso.

Anos antes, tentando ter sua filha, ela havia perdido 13,5 quilos até que ficou grávida. Depois de dar à luz, nunca perdeu o peso do bebê de volta. Ela já havia tentado algumas dietas, que nunca tinham dado certo.

“Depois de três anos negando meu peso, percebi que era assim que eu era e não era o que eu queria ser”, disse ela.

Então, ela e o marido, Nathan, iniciaram a dieta cetogênica, uma dieta pobre em carboidratos, rica em proteínas e moderada em gorduras, e a combinaram com o jejum intermitente, comendo todas as refeições entre meio dia e 20h. Por 30 dias, ela só comeu 20 gramas de carboidratos líquidos (absorvíveis) e zero grama de açúcar. Assim, perdeu 6,8 quilos no primeiro mês.

Pelos nove meses seguintes, Jenny continuou com a dieta cetogênica e perdeu mais 36 kg. Apesar de não ter problemas em comer menos carboidratos, ela lentamente fez alterações em seus hábitos alimentares para tornar a dieta mais sustentável, como adicionar alguns carboidratos e alimentos com menos gordura.

“Para perder os últimos 10 kg, passei aos poucos a contar calorias”, disse ela. “Fiquei absolutamente aterrorizada ao perceber que, ao permitir que os carboidratos voltassem à minha dieta, eu recuperaria tanto peso que tinha perdido.”

Mas combinando uma dieta equilibrada com a contagem de calorias, ela conseguia saborear macarrão e pão enquanto ainda perdia peso. Ela simplesmente comia porções adequadas e mantinha o jejum. “Mudei minha maneira de comer pelo resto da minha vida”, explicou Jenny.

Com a contagem de calorias, ela perdeu mais 9 kg, elevando sua perda total para 45,3 kg em um ano.

Depois de perder os primeiros de 20 kg, Jenny começou a adicionar cerca de 30 minutos de exercício por dia, entre eles aulas tênis, natação, caminhada ou corrida. “Eu estava fazendo principalmente apenas cardio”, disse ela. “Os músculos começaram a sair”.

Hoje, ela mantém a contagem de calorias para manter a perda de peso. Depois de perder 45 quilos, Jenny tinha uma pele em excesso na barriga. Ela removeu a pele com uma abdominoplastia e uma cirurgia de reparo de diástase do reto abdominal.

“Eu não quero que as mulheres pensem que a pele solta é ruim”, disse ela. “Só sabia que não era para mim. Eu ainda não tinha 30 anos. Eu não queria continuar escondendo minha pele em excesso nas roupas.”

Jenny se orgulha muito do que ela conseguiu. “Estou surpresa com minha própria a força de vontade”, disse ela. “Eu não sabia que poderia ser tão forte”.

Abaixo, ela compartilha conselhos para outras pessoas que desejam perder peso. Por que não aproveitar?

1. Use uma base de apoio

Ter o seu marido, Nathan, perdendo peso com ela a ajudou a permanecer dedicada. Nathan também perdeu cerca de 15 quilos. Ele também a mantém responsável por seus hábitos saudáveis.

“Somos os melhores amigos um do outro e bem honestos”, disse ela. “Ele sabe se eu estava comendo demais. Ele diz: Por que você não bebe água e vê como se sente”?

2. Beba bastante água

A água, inclusive, impedia Jenny de comer sem pensar. E ela percebeu que se sentia mais enérgica quando estava hidratada.

3. Meça suas porções

Quando Jenny começou a perder peso, ela não media o que comia. Assim que passou a se concentrar na contagem de calorias, começou a medir suas porções e ficou espantada com o tamanho das mesmas.

“Minhas porções eram suficientes para dois a três homens adultos”, disse ela. “Foi um grande choque de realidade… Comece a medir suas porções e você ficará em choque.”

Você acredita que conseguiria passar pela mesma história de perda de peso que Jenny passou? Quais seriam suas maiores dificuldades? Comente abaixo!

Note: There is a rating embedded within this post, please visit this post to rate it.